Secretário de Saúde afirma que agosto foi o pior mês do Covid-19 no MS

O secretário de Saúde do Estado, Geraldo Rezende em entrevista ao vivo na TV MORENA na manhã desta segunda-feira (31), declarou que o mês de agosto foi um dos piores meses do crescimento do COVID-19 no Estado, e que atualmente não há municípios com taxa preta conforme o programa PROSSEGUIR.

Sobre o isolamento social, o MS apresentou 38,52% na taxa de isolamento neste mês. Dentre os municípios que não tem respeitado o isolamento social estão com as  piores taxas de isolamento: Pedro Gomes, Jardim, Chapadão do Sul, Rio verde e Batayporã.

“Se nós não tivermos restrições firmes, poderemos ter um alongamento com mtas perdas de vidas aqui no Estado. Os prefeitos precisam ficar atentos para o avanço da doença e pararem de olhar os calendários eleitorais, porque senão teremos maiores problemas.”, declarou Rezende.

Cada município tem suas bandeiras, e de fato cada um adotar as medidas restritivas, que nao levem a aglomeração. o SECRETÁRIO Geraldo Rezende citou o aumento de leitos de UTI’S no Estado devido a chegada da pandemia.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *