Após escândalo da vacina que não foi dada em senhora de 80 anos, administração abre sindicância

Após a denuncia que ganhou as rede sociais com o vídeo feito pelo neto que viu sua avó não receber a vacina no último final de semana ganhou peso em Três Lagoas e devido a indignação causada nas REDE SOCIAIS, a Administração Municipal publicou duas Portarias de Sindicância Administrativa para apurar irregularidade funcional sobre vacina.

houve a divulgação de uma nota afirmando que não foi proposital e que a Secretaria de Saúde estava apurando o caso de perto, mas a Administração Municipal de Três Lagoas publicou nesta quarta-feira (31) duas Portarias – Nº 1067 e Nº 1066 – onde dispõe sobre abertura de Sindicância Administrativa com intuito de apurar eventual irregularidade funcional no fato trazido por meio de denúncia de “fraude na vacinação” e denúncia anônima contra uma servidora pública.

Nas Portarias ainda constam que, conforme relatos em mídia social e videos anexos, a Comissão de Processo Disciplinar – constituída pelo Decreto nº 162/12, de 22.11.12 – deverá investigar, ouvir possíveis envolvidos, apresentando relatório conclusivo no prazo de 30 dias, podendo ser prorrogado por igual período.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *