Flodoaldo pode assumir cadeira na Câmara após Britão ter conta indeferida pelo TSE

Pode haver alteração dentro do quadro de vereadores de Três Lagoas, devido a decisão do juiz Rodrigo Pedrini Marcos, que aceitou o pedido do Ministério Público Estadual na última quinta (4), que identificou gastos com combustíveis sem o devido lançamento da comprovação do emprego, do vereador do Solidariedade, Eduardo Brito, o Britão do Povo.

O partido está verificando o que pode ser feito dentro da lei e se podem recorrer, caso não seja possível o suplente assumirá o cargo que é de direito do ex-vereador Flodoaldo Moreno.

A Justiça Eleitoral apontou ausência de abertura de conta bancária destinada à movimentação de recursos de origem privada. O candidato, primeiramente, manifestou-se no sentido de ter havido movimentação exclusiva de recursos próprios o que contradizia a prestação de contas apresentada no SPCE.

A questão destaca que segundo a justiça foi verificado que não houve abertura de conta corrente obrigatória conforme determina resolução do Tribunal Superior Eleitoral. O juiz ressaltou ser inadmissível alegação do candidato que tentou transferir a responsabilidade ao banco.

O vereador alega que existem sim as contas e está em contato com as instituições.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *