Novo aditivo milionário com propaganda feito pela prefeitura é questionado por vereador

Durante a sessão da Casa de Leis da última quarta-feira (28), o vereador Paulo Veron (Solidariedade), pediu explicações sobre a nova prorrogação no termo aditivo no valor de R$3 milhões para a empresa de publicidade Agilitá Propaganda e Marketing no contrato vigente n 075/2019, iniciados no dia primeiro de abril.

Toda a sessão há novos valores pagos ou pelo legislativo ou pelo executivo de Três Lagoas para esta empresa e o vereador tem trazido os valores e questionado o porque dos altos valores pagos.

Veron também já destacou a necessidade da especificação dos valores pagos para cada veículo de imprensa que recebe para divulgar os Poderes, porque tal informação obrigatória no Portal da Transparência não aparece os valores exatos que cada veículo recebe.

Tem sido vários questionamentos, mas todos acabam sem explicações e desta última vez Paulo Veron pediu o detalhamento deste aditivo realizado que irá valer por 12 meses, indo até março de 2022.

No início do ano o parlamentar fez um vídeo em suas redes sociais alertando sobre mesmo aditivo feito pela Casa de Leis e que foi aprovado sem a autorização dos demais vereadores durante recesso parlamentar. Não é de hoje que o assunto de aditivos para a Agilitá propaganda com altos valores vem aparecendo nas pautas.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *