Após ataque aos autores do projeto proibição ao Nepotismo nos Poderes de Figueirão foi sancionado

A Lei 439 que proíbe o Nepotismo no executivo e legislativo de Figueirão, cidade localizada a 200 km da Capital do MS, foi sancionada na última segunda feira (26), pelo prefeito da cidade.

A pauta causou tumulto na saída da vereadora Flavia Bravo que foi uma das autoras da proposta. O fato foi amplamente divulgado, por causa do protesto dos servidores que eram contrários e atacaram a vereadora.

Mas nesta última semana o prefeito promulgou e o projeto agora é lei na cidade.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *