Caso do menino Arthur comove autoridades

A luta de famílias com filhos autistas ganharam visibilidade, após um caso de preconceito vir a tona nas Redes Sociais, quando o menino foi chamado de esquisito e por isto não foi convidado para a festinha infantil.

Muitas famílias sabem o que é este tipo de rejeição, nesta terça (3), a deputada Soraia Troniky levou a família deste garotinho para uma festa junto com o presidente Jair Bolsonaro e demais autoridades que declaram que são a favor do respeito e dos direitos dos autistas.

Usando sua Rede Social, Soraya se manifestou. “Vocês lembram da história do Arthur, o menino de Campo Grande de apenas dois anos que não foi convidado para uma festa apenas por ser autista? Pois bem, depois de sofrer esse ato preconceituoso e completamente sem noção, a nossa ministra @damaresalvesoficial1 convidou o Arthur e sua família para uma comemoração cheia de amor e carinho, com a presença do presidente @jairmessiasbolsonaro e a primeira-dama @michellebolsonaro hoje aqui em Brasília. Quero dizer a todas as mães, pais, familiares e amigos de autistas que nesse governo vocês serão abraçados com políticas públicas inclusivas para que essas pessoas tenham dignidade e sejam incluídas de verdade na sociedade. No Senado, fui relatora do PL 2573/2019, que institui a Carteira de Identificação do Espectro Autista (CIPTEA), e estamos trabalhando em outras pautas para promover ações que incentivem a inclusão e coloquem fim ao preconceito.” Contou a senadora.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *