Policiais apreendem mais de 1000 munições em bairro da cidade

Na madrugada da ultima sexta (8), policiais militares do 2°Batalhão de Polícia Militar, apreenderam mais de mil projéteis balísticos no bairro Nossa Senhora Aparecida.

O caso começou por volta das 23h50 durante uma briga na região da av.Filinto Muller, quando um dos envolvidos sacou uma arma e fugiu sentido a Av. Clodoaldo Garcia.

Através das informações repassadas às viaturas do COPOM de serviço realizavam diligências na região quando a equipe da Ronda Escolar logrou êxito em abordar os suspeitos na Av. Clodoaldo Garcia cruzamento com a Rua Maria Guilhermina Esteves. Durante a busca pessoal nada foi encontrado com os autores e no veículo localizaram uma faca de uma lâmina inoxidável de 10 cm, mas os policiais resolveram ir ate a residencia dos suspeitos quando  a guarnição encontrou em cima do guarda roupa várias caixas e sacos contendo munições carregadas, estojos vazios, projéteis (pontas) de diversos calibres de uso permitido e restrito totalizando mil cento e quarenta projéteis (1140), vinte e duas munições carregadas (22) e aproximadamente mil estojos (1000), foram encontrados também apetrechos para o carregamento de munições (prensa e gabaritos).

O jovem de 23 anos que estava na residência alegou que não tinha conhecimento do material ilícito e que a casa era do seu primo um dos abordados no veículo Saveiro pelos policiais. O proprietário da residência ao ser indagado sobre o material alegou que estava guardando para um amigo e sobre a briga e a arma de fogo os autores nada disseram.

Diante dos fatos todos os abordados um jovem de 19, 20 e 23 anos receberam voz de prisão, sendo encaminhados para a Delegacia de Pronto de Atendimento Comunitário ( Depac) juntamente com os materiais apreendidos, sendo que o proprietário do imóvel  de 19 anos onde foi localizado os projéteis foi preso em flagrante pela autoridade competente.

O Comandante do 2° BPM Ten Cel Ênio relatou que  “A  Polícia Militar vem realizando diversas abordagens e prisões que são frutos de denúncias anônimas, e que é muito importante que a população trabalhe em conjunto com a PM e que nenhum dos denunciantes são identificados, no caso da ocorrência desta madrugada a denúncia via 190, foi essencial para a prisão do autor que levou ao arsenal apreendido.  As denúncias podem ser feitas em casos de emergência para o 190 ou através do WhatsApp (67) 3919-9700.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *