Roubo de gado foi esclarecido por policiais de Aquidauana

A POLÍCIA CIVIL, por intermédio de atuação da PRIMEIRA DELEGACIA DE POLÍCIA CIVIL DE AQUIDAUANA, esclareceu um abigeato realizado no dia 30/06/2019, que ocorreu na Estrada para Cipolândia (em Aquidauana), tendo sido abatido apenas um gado.

A POLÍCIA CIVIL esclarece que, apesar do termo Abigeato, palavra etimologicamente derivada do latim abigeatus, ser popularmente conhecido como o furto de gado, juridicamente, o crime consiste na subtração de semovente domesticável de produção, ainda que abatido ou dividido em partes no local da subtração, encaixando-se nesse conceito bovinos, equinos, caprinos, suínos, etc.

O crime de abigeato gera impactos negativos em toda a sociedade, sobretudo, nas violações à segurança pública, na sonegação de impostos e à saúde pública, visto que os animais, após os crimes, são vendidos clandestinamente, sem fiscalização sanitária e causando doenças na população.

Frise-se que após a operação “PECUS” (de 26/01/2019), não houve mais registro de abigeato de grande vulto na cidade de Aquidauana.

A operação recebeu tal denominação por pecus significar gado em latim.

As investigações se iniciaram a partir de alguns furtos de gados (abigeatos) que aconteceram na região.

A operação teve atuação conjunta da PRIMEIRA DELEGACIA DE AQUIDAUANA, da DELEGACIA DE DOIS IRMÃOS, da DELEGACIA DE ANASTÁCIO e do GARRAS (Delegacia Especializada em repressão a Roubos a Banco, Assaltos e Sequestros), envolvendo mais de trinta policiais civis.

O início da operação ocorreu durou dez dias de forma ininterrupta.

No total, sete pessoas foram identificadas, interrogadas e indiciadas, com cinco sendo presas em flagrante.

Seis crimes de abigeato foram esclarecidos, que juntos totalizavam mais de cem cabeças de gado subtraídas.

A maior parte do prejuízo foi restituído às vítimas.

Foram apreendidos dezenas de gados, além de carros e um caminhão com carroceria específica para transporte de gado.

A POLÍCIA CIVIL solicita o apoio da população, denunciando todo e qualquer fato criminoso.

DENUNCIE PARA A POLÍCIA CIVIL.
SEU NOME SERÁ MANTIDO EM SIGILO.
POLÍCIA CIVIL: SERVIR E PROTEGER.
PRIMEIRA DELEGACIA DE AQUIDAUANA: 3241-2876.
DELEGACIA DE ATENDIMENTO À MULHER DE AQUIDAUAUANA – DAM: 3241-1172.
DELEGACIA DE POLÍCIA DE DOIS IRMÃOS DO BURITI: 3243-1230 e 99994-3166.
DELEGACIA DE ANASTÁCIO: 3245-2207.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *