Autor da Lei contra cortes de água e energia durante a Pandemia questiona postura da empresa em Três Lagoas

Durante a sessão da Casa de Leis da última terça, em Três Lagoas, o tema sobre os cortes indevidos de água na cidade continuou e o autor da Lei falou sobre a postura da empresa que ao invés de questionar juridicamente a Lei, simplesmente a ignorou.

Os requerimentos foram aprovados em bloco na sessão. Um deles recebeu destaque e aprovação de todos os vereadores: requerimento de informações e relatórios da Sanesul, para justificar e comprovar o aumento anunciado na tarifa de fornecimento de água.

O assunto também fez os vereadores ressaltarem sobre os cortes indevidos de água, desrespeitando a lei nº3.652, sancionada em 7 de abril de 2020, de autoria do vereador Marcus Bazé. “Se a Sanesul considerou inconstitucional a lei, o certo é entrar com recurso, ver os meios legais para suspendê-la, e não simplesmente ignorá-la e continuar com os cortes”, ressaltou Bazé.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *