Guerreiro é empossado e reconhece que mandato pode ser “cortado” a qualquer momento

Em todo o país a posse dos novos prefeitos e vereadores aconteceram no primeiro dia do ano 2021 e Três Lagoas contou com a sessão remota que empossou vereadores e reconduziu ao cargo de prefeito Angelo Guerreiro (PSDB), que em seu discurso deixou claro que sabe que não será uma gestão tranquila, já que “não foi fácil 2017 a 2020”.

O Prefeito, Ângelo Chaves Guerreiro, em seu discurso iniciou sua fala parabenizando individualmente os vereadores eleitos, citando a trajetória de cada um, sendo que a maioria o apoia e deixou o recado sútil. “Estamos sendo empossados para mais uma missão. Todos aqui sabem bem o porquê estão aqui e as responsabilidades dos seus cargos”, ressaltou.

Com inúmeras investigações do MPE e da Policia Federal contra ele, guerreiro falou sobre momentos de tensão. “A gestão 2017-2020 não foi fácil”, afirmou Guerreiro ao pedir auxílio dos vereadores para que esta seja uma gestão com mais governabilidade.

Lembrando que a maioria dos eleitos, assim como no primeiro mandato de Guerreiro foram eleitos por partidos da coligação do prefeito. “Cada um aqui tem a sua legenda, mas a maior sigla que nós temos é ‘TL’, é o compromisso com a população de Três Lagoas”, destacou.

E no fim de seu discurso deixou claro que pode a qualquer momento deixar de ser prefeito.

Ele finalizou agradecendo sua família e a todos os envolvidos. “Há quatro anos, plantei um pé de jatobá. Foram 48 meses para ele chegar aos quatro metros de altura. E é duro pensar que uma motosserra pode acabar com tudo isso em segundos”, relatou. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *