Guerreiro recebe doação R$150 mil reais de empresário investigado por corrupção na Operação “Lama asfáltica”

O Portal do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), traz dentre as mais novas doações de campanha para o candidato do PSDB, ÂNGELO CHAVES GUERREIRO, atual prefeito de três Lagoas e que tenta sua reeleição, a doação de R$150 mil reais da pessoa física, Ricardo Fernandes de Oliveira, investigado na  operação Lama Asfáltica, do GAECO, por suspeita de corrupção.

O valor recebido deste empresário, dono de uma empresa de computadores da Capital foi maior do que o valor do próprio partido PSDB e de aliados como o partido DEMOCRATAS fez ao candidato a reeleição da terceira maior cidade do Estado.

O que chama atenção nas doações de Ricardo é que ele fez outras doações, valores bem menores, para prefeitos, também do PSDB que tentam sua reeleição pelo partido, como para o prefeito de Chapadão do Sul: João Carlos Krug e para o prefeito de Cassilândia Jair Boni, nos valores R$50 mil reais. Valores bem abaixo do enviado para Guerreiro.

Lembrando que o Rede News MS trouxe também as doações “fakes”de três pessoas que trabalham na campanha  de Guerreiro e que doaram R$3 mil reais e receberam de volta o mesmo valor, comprovando a imoralidade.

Saiba mais:  (https://redenewsms.com.br/politica/doacao-fake-para-psdb-de-prefeito-a-reeleicao-esta-estampada-no-portal-do-tse/).

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *