Detentos laçam 1ª Antologia Autobiográfica em Três Lagoas

Historias da vida que resgataram o “sonhar” de volta

Projetos realizados dentro do sistema prisional tem mudado a realidade e acalentado o sonho de mudança aos presos de Três agoas que realizam uma serie de atividades, palestras e cursos. Fruto de uma ação destas foi o projeto “Quando a Boca Cala, a Palavra Fala”, realizado com custodiados da Penitenciária de Três Lagoas (PTL).

Histórias de vida de homens em situação de prisão foram reunidas em um único livro, desenvolvido pelas professoras Maria Luiza Castelari e Michela Vanessa Martins, que ministram aulas na unidade penal, o livro conta a experiência de reeducandos que tiveram suas vidas mudadas através da educação.

O lançamento do livro “1ª Antologia Autobiográfica: Quando a Boca Cala, a Palavra Fala” foi realizado, na semana passada, na sala do Tribunal do Júri no Fórum local e contou com a presença de agentes penitenciários, autoridades, professores e convidados.

A iniciativa foi realizada pela Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen), por meio do presídio, em parceria com a Secretaria Estadual de Educação, por meio da extensão – Escola Estadual Edwards Corrêa e Souza, responsável pelo ensino regular na unidade penal. A ação também contou com o apoio do Conselho da Comunidade local e do Poder Judiciário, que disponibilizaram recursos para impressão dos exemplares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *