A saga da UFN3 deve ser efetivada em 2021 mas com start em fevereiro 2020

A saga da venda da empresa de fertilizantes em Três Lagoas, UFN3 deve ter novos capítulos a partir de fevereiro 2020, com a nova abertura de edital para empresas itneressadas, segundo o titular da Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), Jaime Verruck, e com a retomada das obras previstas para iniciarem começar apenas em 2021.

“O grupo russo que até então participava manifestam interesse que irão participar novamente desse processo licitatório. A discussão que nós estamos fazendo hoje é a questão do gás. A MS gás tem feito uma análise, talvez ela se posicione que ela poderia fornecer esse gás para a UFN3, que foi onde deu problema, ou no próprio edital já vai estar colocado que a Petrobras fornece o gás. Essa é a discussão que nós estamos fazendo com a Petrobras, em fevereiro a Petrobras já coloca que reinicia o edital”, disse.

A previsão para bater o martelo sobre a compradora é “agosto ou setembro” do próximo ano e a retomada das obras, só em 2021. “Nós tínhamos, até na nossa expectativa, dentro da nossa projeção, que a UFN3 retomasse as obras na partir de fevereiro e poderia compor a evolução do PIB do Estado. O edital foi cancelado, nesse momento estamos na estaca zero novamente, sob o ponto de vista de venda”, avaliou Verruck.

A expectativa é atrair mais players, condicionado, na avaliação do secretário, não só ao estabelecimento do fornecimento de gás, mas à separação da UFN3 do projeto de venda da Araucária Nitrogenados S.A (ANSA), no Paraná.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *