Justiça cobra providências diante condenação anterior a prisão de Marisa Rocha

Na sessão da Câmara desta terça (30), o presidente da Casa leu o ofício da Juíza Janine Rodrigues de Oliveira Trindade da 1ª Vara de Juizado Especial Cível e Criminal de Três Lagoas pedindo que os vereadores tomem providências diante da condenação da vereadora  da  vereadora Marisa Rocha (PSB) .

Segundo o Jurídico da Câmara o documento enviado tem aproximadamente 500 paginas que o Jurídico ira ler para se atualizar do que se trata e encaminhar para a Comissão de direito da CASA DE Leis,

Marisa foi condenada em 2016 a um mês de prisão no regime aberto e teve a pena substituída por multa de R$ 3 mil.  Marisa tinha 30 dias para pagar ou recorrer da condenação, o que não aconteceu. Em novembro de 2017, o Ministério Público pediu a execução da sentença e o pedido foi aceito pelo juiz Rodrigo Pedrine Marcos 30 ABR 2019.

Diante disso, ainda no ano passado, a juíza encaminhou um ofício à Câmara, com referência à Lei Orgânica, pedindo que os vereadores tomassem providências.

Caberá agora ao presidente da Casa apresentar um decreto com a cassação do mandato da vereadora e informar o motivo na sessão do dia 7. Marisa está afastada da função de vereadora desde julho do ano passado, quando assumiu o cargo de secretária de Esportes do Município.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *