Motoristas reclamam suposto “golpe” Zona Azul em Três Lagoas

A região central da cidade de Três Lagoas  vem sofrendo com o péssimo serviço oferecido pela empresa Central Park , que detém o direito de cobrar pela “Zona Azul”, da cidade. O problema que vem se repetindo e que a empresa multa e o motorista quando paga a multa, se não confere acaba tendo que pagar novamente porque os funcionários trocar uma letra ou um numero da placa, o que passa despercebido na hora da pressa de parar e acaba lesando os motoristas.

A reportagem do REDE NEWS MS.COM.BR  esteve na Sede da empresa e a responsável declarou que eles nada podem fazer e que multam mesmo. Ela declarou que o motorista tem que conferir a placa.

Desde o dia 1º de agosto, entrou em vigor o novo valor a ser pago para quem utiliza as vagas de estacionamento. Para quem possui carro, o valor a ser pago é de R$ 1,80 e R$ 0,70 para motociclistas por hora, e metade do valor para ambos os veículos por meia hora de estacionamento na área central, que inclusive foram ampliados. Uma Ação Civil Pública foi aberta com o pedido de cancelamento do contrato de concessão do serviço.

Os lojistas confirmam que muitos motoristas têm reclamado desses “erros” das placas e os excessos de multas.


Uma comerciante que tem um bar no centro da cidade há mais de 15 anos declarou que seus clientes não tem mais ido ao estabelecimento por causa das taxas de cobranças. “O centro esta se tornando um deserto e os comércios de bairros estão crescendo devido esta empresa, de “Zona Azul”, tem dificultado o estacionamento no centro. Muitas vezes a pessoa não tem o dinheiro para o lanche e pagar a zona azul” relatou Regina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *