Prefeito em Brasilia participa de reunião para tratar assuntos envolvidos na Reforma tributária

Dentre os mais variados debates e temas na Câmara dos Deputados e no Senado Federal, está a reforma tributária que pode gerar perdas futuras aos municípios e por este motivo o prefeito Angelo Guerreiro (PSDB), Três Lagoas está em Brasilia participando da reunião da AMUSUH – Associação dos Municípios Sedes de Usinas Hidrelétricas e Alagados desde ontem (10).

Conforme o texto das Reformas serão extintos alguns impostos como o ISS e o ICMS. As cobranças serão feitas em um imposto único chamado “Imposto sobre Bens e Serviços” e que incluiria também o PIS, o Cofins é IPI.

A modificação tira dos municípios a prerrogativa do recolhimento do ISS, imposto que representa 43% da arrecadação municipal. Conforme tratado na reunião da AMUSUH – Associação dos Municípios Sedes de Usinas Hidrelétricas e Alagados, o Prefeito Angelo Guerreiro, que participou da reunião, disse que a unificação do ICMS e ISS será realizado gradativamente, o que pode aumentar as receitas estaduais e reduzir os recursos municipais.

“Se não nos organizarmos, articularmos com eficácia, nos unirmos para evitar perdas agora, no momento das discussões, vamos perder recursos. Por isso, fomos convocados pela AMUSUH, nos reunimos com deputados da comissão que discute a reforma tributária mostrando que os municípios podem perder recursos. Não podemos ser omissos agora para vivenciar mais crise no futuro”, disse Guerreiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *