Vereadores abrem CPI contra secretario de Administração

A denuncia apresentada pelo vereador Davis Martinelli contra possíveis irregularidades na contratação de médicos sem o titulo de especialistas em Três Lagoas, ontem (3) o caso se tornou alvo da abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar possível cometimento de improbidade administrativa por parte do secretário municipal de Administração, Gilmar Araújo Tabone, na contratação desses  médicos citados.

De acordo com o edital, uma das exigências seria curso superior em graduação em
medicina, com especialização na área concorrente, com o devido conselho competente,
sendo exigência mínima para posse dos aprovados, o que não ocorreu na convocação
dos médicos, segundo o requerimento assinado e aprovado pelos vereadores para a
abertura da CPI.

A denuncia contou com a assinatura dos seguintes vereadores Davis Martinelli, Flodoaldo Moreno, Apostolo Ivanildo, Sargento Rodrigues, Andre Bitencourt, Bazze e Renée Venâncio.

Saiba quais são os médicos investigados

Os nomes em amarelo foram afastados na ultima semana, pela administração para suposta investigação.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *